Category Archives: Olimpiadas

Avaliando as Olimpiadas, Parte 2: as bonitinhas

Uma das coisas que mais me chamou a atencao durante as olimpiadas foi a quantidade de sites fazendo escolhas de “a mais bela” “a mais gostosa” “colirios de pequim”. Pena que, neste universo de materias quase sempre as escolhas caiam na mesmice de mostrar meia duzia de tenistas russas, Elena Isinbayeva, Hope Solo, e algumas brasileiras mais ou menos, como a puladora Maurren Maggi (que esta sendo sondada pela Playboy).

Mais uma vez, o fato de eu ter visto tudo ajudou. Me surpreendi. Tinha muita mulher bonita nos jogos, o que deve ter ajudado os rapazes nas famosas “festas de encerramento” das olimpiadas. Vou me ater as mulheres que pouco vi ganharem destaque, ou aquelas que nao tiveram o reconhecimento devido.

Comecamos com o futebol feminino. Procurei muito por uma norueguesa que me chamou a atencao em um dos jogos mas nao encontrei nada. Entao, fico com Heather Mitts dos Estados Unidos, que na minha opiniao e melhor que a goleira com fama de gata.

Mitts, namorada de A.J Feeley da NFL.

Mitts, namorada de A.J Feeley da NFL.

Do futebol feminino passamos a natacao. Sempre acreditei que as nadadoras eram um bando de garotas que injetavam testosterona e tinhas as costas do tamanho de um guarda roupas, mas nesta edicao dos jogos, encontrei algumas que fogem a regra, como por exemplo a brasileira Fabiola Molina, que nadou pouco, mas apareceu bem.

Fabiola Molina

Fabiola Molina

Fabiola ganhou por pouco da trava linguas Flavia Delaroli, que tambem vale um google caso o leitor tenha tempo. Entre as internacionais, a australiana Stephanie Rice merece destaque, ate porque onde o Phelps se mete, vira noticia.

Assim que acabaram as competicoes no cubo, Phelps partiu para formas mais arredondadas.

Assim que acabaram as competicoes no cubo, Phelps partiu para formas mais arredondadas.

Saindo das aguas para o solo elastico da ginastica, finalmente encontrei uma mulher de verdade perdida em meia aquelas adolescentes sub-nutridas. Sei que Shawn Johnson e seu sorriso Mickey Mouse ganharam muito destaque, mas a verdadeira estrela da ginastica e sua colega de equipe, Alicia Sacramone. Apesar de cair do cavalo e ser culpada pela derrota das americanas no geral por equipes, a moca de 20 anos tem outros destaques.

Alicia Sacramone

Alicia Sacramone

O volei sempre teve tradicao em ter mocas bonitas e dessa vez naos foi diferente. Apesar de o nivel estar meio fraco na areia, nas quadras o jogo foi outro. Merece mencao honrrosa o time da Polonia, que poderia ter quatro ou cinco garotas aqui. Como estou escolhendo poucas, fica a foto da Anna Baranska.

A Baranska do time da Polonia

A Baranska do time da Polonia

Eu vi mulheres bonitas ate mesmo no levantamento de peso, acreditem se quiser. Mas nada superou o atletismo. Isinbayeva ganhou todos os holofotes, principalmente porque alem de bonita ela sabia “jogar”, mas outras mocas de diversos paises merecem destaque. Todos ficaram tristes quando a sueca Susanna Kallur tropecou em uma barreira e deixou as olimpiadas. Fica a homenagem a nordica

Susanna Kallur

Susanna Kallur

Mas nenhuma atleta chega aos pes da paraguaia. Se ela ja foi candidata do miss mundo, ser a mais bonita das olimpiadas nao deve ser tao complicado. Leryn Franco arremessa dardos, ou melhor tenta. Assim como em Atenas, ela nao passou da primeira fase, mas, nao estou nem ai. Ela e medalha de ouro na minha opiniao.

Atleta ou...

Atleta ou...

...ou modelo?

...ou modelo?

Voce escolhe... ate Londres Leryn...

Voce escolhe... ate Londres Leryn...

Advertisements

Avaliando as Olimpiadas: Parte 1, os esportes pessimos para a TV

Eu comeco dizendo que ninguem acompanhou as olimpiadas como eu. Nem a Globo com o seu entusiasmo fora dos limites se empolgou tanto. Posso dizer com absoluta certeza que vi todas as modalidades. Com um pacote de TV a cabo mediano (de graca no predio onde moro) tinha apenas 3 canais a disposicao: Globo, Bandeirantes e ESPN.

Uma das coisas que mais me chamou a atencao foi o fato de muitas vezes ver o mesmo programa na TV. Certo dia, comeco da madrugada se nao me engano, eu estava doido para acompanhar as eliminatorias do atletismo. Primeira parada e a Globo.

Volei masculino, Italia e Polonia com Luis Roberto.

Mudo para a Band, na esperanca de encontrar o atletismo ou qualquer outra modalidade que nao fosse aquele jogo inutil entre Italia e Polonia. Mas, o que vejo no ar?

Volei masculino, Italia e Polonia com Nivaldo Pietro.

Ultima chance, ESPN. De cara penso: “se a ESPN Brasil e sempre a emissora principal, a ESPN internacional deve estar passando outra coisa”

Volei masculino, Italia e Polonia com algum mendigo que eles acharam na rua para narrar.

Nunca achei que iria dizer isso, mas desta vez eu fui salvo porque existia o Terra TV, lugar onde eu pude ver desde o arco e flecha ate a luta greco romana.

Agora, todo esse rodeio serve para entrar no tema da conversa: “esportes pessimos para a TV”. Fiquei impressionado como a midia nacional supervaloriza os esportes coletivos e conhecidos e simplesmente ignora todos os outros, a nao ser quando “TEM BRASILEIRO NA DISPUTA DE MEDALHA!!!!”

Se voce, caro internauta, conseguiu ver alguma competicao que nao envolvesse brasileiros e nao fosse esporte coletivo, por favor se manifeste. Atletismo e natacao, que sao os esportes mais classicos de olimpiada, nao conseguiram espaco na TV aberta/semi-aberta.

Final da esgrima feminino por equipes, com o confronto historico entre china e ucrania, so para quem tinha Sky e seus 4-5 canais do sportv. Ou o streaming para cegos do terra, que foi a minha opcao. (212kbps, muito pior que o video mais tosco de youtube).

Apos ver tudo, eu entendo a exclusao de certos esportes. Algumas modalidades, como por exemplo nado sincronizado, so estao nas olimpiadas por caridade. E o tipo de “esporte” que atrai 0 de audincia. Serve apenas para que sua esposa/amante/namorada entre na sala e diga: “que linda a danca delas! olha amor, como elas conseguem em baixo d’agua?”.

Branca e Bia nao se classificaram para as Olimpiadas, portanto o esporte delas e inutil na TV.

Branca e Bia nao se classificaram para as Olimpiadas, portanto o esporte delas e inutil na TV.

 

Modalidades como Vela simplesmente nao foram feitas para a TV, o que deveria preucupar muito o comite olimpico. Eu lembro das madrugadas onde a Globo fazia uma rapido giro pelas modaliades e logo ia ver como estavam os brasileiros nas respectivas regatas. Trinta segundos de imagem e ja me deixava agoniado. Penso no Galvao Bueno tendo que narrar em “real time” uma regata com o Robert Scheidt: “ai vem o barco brasileiro, muito proximo a ultima boia… RRRRRRRobert Scheidt, que mudou de categoria… ele campeao olimpico, esperanca de medalha para o Brasil… vem se aproximando… seu barco esta liderando esta regata… ai vem ele, quase chegando na boia… fulano de tal, quais as reais chances do Scheidt ganhar medalha? blablablablabla blablabla… muito bem… ai vem ele, quase chegando na ultima boia…”

Vela nao anda. Parece estupido dizer isso, mas a droga do barco nao se mexe. Quando vi logo pensei: este e um serio candidato a pior esporte para a televisao. A vela quase se iguala aos nao-esportes nado sincronizado e ginastica ritmica (aquela das fitinhas de seda) no quesito duro de aturar.

Em tempos de modernizacao das olimpiadas e inclusao de esportes como BMX para atrair audiencia, imagina o que nao pode acontecer com a vela…

Eis que surge o concurso completo de equitacao, com o seu maravilhoso adestramento… esse e dificil aguentar… assistir horas e horas de um cavalo dancando de um lado para o outro nao deveria ser esporte olimpico. Se voce nunca viu adestramento na TV, e por um bom motivo.

Eu ate poderia jogar baixo e reclamar do judo, de como uma luta e chata de acompanhar na TV, mas vamos falar de um esporte convencional. Eu respeito as lutas, todas elas tem um principio, e se voce conhece melhor a arte, aprecia mais.

Agora…

Alguem pode me explicar porque polo aquatico existe? Handeball ja e chato, mas handeball na agua? Pra que? Porque isso e um esporte e tenis-na-agua, basquete-na-agua ou volei-na-agua nao sao?

Quem viu na TV sabe o que estou falando, a cena dos atacantes nadando de um lado para o outro do “campo” cada vez que muda a posse de bola e ridicula. E como se alguem tivesse pensado em condicoes impossiveis de se praticar um jogo e posto em pratica. Polo aquatico so pode ter sido inventado por um bebado. Nao faco ideia de como chegou as olimpiadas, mas na minha TV nao entra nunca mais.

 

O nado sincronizado visto do melhor angulo.

O nado sincronizado visto do melhor angulo.